Principais autores da literatura paranaense

Vários autores paranaenses se destacam mundo afora pelas suas importantes obras literárias. São contos, romances, poesias que se destacam entre os vários nomes da literatura nacional.

A literatura, além de entretenimento, tem importância no desenvolvimento e formação do indivíduo, funcionando como um meio transmissor de manifestações culturais e interacionais de um povo, a partir do olhar artístico do escritor.

No Brasil, temos diversos autores de estilos e gerações diferentes, que também fazem parte de nossa cultura regional. No Paraná se destacam grandes nomes da literatura nacional.

Paulo Leminski (1944-1989)

Este notável curitibano é conhecido por escrever poemas curtos e irreverentes, sendo um dos principais autores da Poesia Marginal. Devido à sua paixão pela cultura oriental, tornou-se um mestre em produzir Haicais. Leminski também escreveu obras em prosa, canções e ensaios. Entre suas obras estão: Catatau (1975); Curitiba, Etecetera (1976); Hai Tropikais, com Alice Ruiz (1985); La vie em close (1991); entre outros.

Helena Kolody (1912-2004)

Nascida na cidade de Cruz Machado, esta poetisa foi a primeira mulher a publicar Haicais no Brasil, motivo pelo qual manteve amizade com Paulo Leminski. As principais características de seus poemas estão ligadas à inquietação humana, natureza e exaltação à vida. Ela dedicou sua vida ao magistério e à escrita; também foi membro da Academia Paranaense de Letras. Entre suas obras se encontram: Paisagem interior (1945), Infinito presente (1980), Poesia mínima (1986), entre outras.

Dalton Trevisan

Natural de Curitiba, o autor é um dos maiores escritores do Brasil. Esse prestígio é fruto de seus notáveis contos com tramas realistas e psicológicas, tendo como cenário sua cidade natal. Devido à sua personalidade avessa à fama, Trevisan é raramente visto ou fotografado. Por esse motivo, também recebeu o apelido de “Vampiro de Curitiba”, título de uma de suas obras. Ele também recebeu diversos prêmios, dentre os quais podem ser citados o Jabuti e o Prêmio Portugal Telecom de Literatura Brasileira. São integrantes de sua obra: Novelas nada exemplares (1959), Cemitério de elefantes (1994), O vampiro de Curitiba (1996), Pico na veia (2003), etc.

Emiliano Perneta (1866-1921)

Príncipe dos poetas paranaenses, Perneta é o maior destaque da literatura simbolista paranaense de seu tempo. Com forte influência do Parnasianismo, escreveu poemas de teor ultrarromântico ou pré-simbolista. São consideradas como suas principais obras: Ilusão (1911), Pena de Talião (1914) e Setembro (1934).

Cristóvão Tezza

Apesar de ter nascido em Lages/SC, Tezza mudou-se para Curitiba ainda na infância, onde passou grande parte de sua vida. O autor escreve romances e contos desde 1979 e suas obras receberam diversos prêmios, dentre os quais estão: o Prêmio Petrobras de Literatura, Prêmio Machado de Assis e Prêmio da Academia Brasileira de Letras. Estão entre suas principais obras: Trapo (1988), Aventuras provisórias (1989), Uma noite em Curitiba (1995), Breve espaço entre cor e sombra (1998) e o Fotógrafo (2004).

Além desses autores, no estado Paraná há outros que também se destacam: Emilio de Menezes, Alice Ruiz, Domingos Pellegrini, Bárbara Lia, Amália Max, Jocy de Oliveira, José Carlos Veiga Lopes, entre outros.

Saiba mais sobre outros assuntos no site do Colégio Bastos Maia

Deixe uma resposta

Fechar Menu